No Acorde do Sucesso

By  |  0 Comentários

Cantor, instrumentista e compositor Sidney do Cerrado é um nome em ascensão dentro da música sertaneja. Conheça um pouco da história dele, que nasceu em Minas Gerais e promete conquistar o Brasil com seu acordeon

Desde os 6 anos de idade e junto do pai, Sidney do Cerrado já dava seus primeiros sinais de talento tocando um acordeon, instrumento com aproximadamente 11 kg e característico do seu estado, Minas Gerais. Cantor, instrumentista e compositor, ele nasceu para os palcos e hoje é reconhecido pelo seu trabalho na arte musical. Nesta edição da revista, ele fala um pouco sobre a carreira e os planos para o futuro.

A trajetória de Sidney começou bem cedo. Isso porque aos 9 anos ele já se apresentava em casas de show na cidade de Ituiutaba. Admirados com o talento do garoto – que se apresentava com outro colega -, uma dupla resolveu levá-los para São Paulo. Desde lá, foram 17 anos se apresentando como músico profissional.

“Sou uma pessoa simples e gosto de coisas e lugares simples. No palco eu tento passar as coisas que eu gostaria de ouvir, de dançar. Estudei pouco, tive que trabalhar desde menino para ajudar em casa”, disse ele.

Apesar disso, a simplicidade não impede que Sidney se descuide do corpo. Segundo ele, a música é apenas um dos seus exercícios para manter a forma. “Primeiramente o instrumento que toco, o acordeon, pesa 11 kg e durante o show devo queimar em torno de 1000 calorias. No tempo livre faço bicicleta, academia para reforçar a musculatura e futebol com os amigos”.

Fã do sertanejo de raiz, como Miolinário e José Rico, o músico também dá sua opinião sobre o cenário atual. Sobre novos estilos musicais que surgem dentro do sertanejo, como o “universitário”, ele afirma que o estilo abriu portas para canções de qualidade, embora considere o ritmo passageiro.

“Para mim não é renovação, é um modismo como já houve outros durante todo o tempo, como lambada, a música brega; o que cantam hoje não é sertanejo, e sim uma música com batidas e letras atuais. Admiro muitos neste novo estilo que fazem uma música de qualidade. A minha prioridade é cuidar da família, e um dia ser lembrado pelos meus trabalhos, e pelo que aprendi desde pequeno”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *